Volta ao mundo através dos brinquedos: conheça os clássicos de diferentes países

Brinquedos de diferentes países
Pai e filho brincam de jogar peteca no quintal

Como é bom ser criança, né? Sem dúvidas, algumas das suas melhores memórias estão ligadas aos brinquedos e às brincadeiras que você curtia. Sozinho ou com amigos, o momento de se divertir é essencial para a infância.

No nosso dia a dia, há muitas opções famosas, que atravessam gerações, mas que não temos ideia de onde vieram. Na verdade, muitas alternativas que a molecadinha aproveita hoje são do outro lado do mundo ou de muitos séculos atrás. Então, que tal descobrir tudo isso — e ainda mostrar para a turminha todas as curiosidades?

Foi pensando nisso que preparamos uma volta ao mundo por meio dos brinquedos. Conheça os clássicos e a história das principais opções!

Os brinquedos clássicos e a história internacional de cada um

Alguns brinquedos são verdadeiros clássicos. Eles atravessam gerações e se reinventam, sem que nunca percam a essência. Dá até para dizer que eles são os grandes responsáveis por todos os outros brinquedos que existem hoje.

Mas será que você conhece qual é a história dessas opções tão famosas? Venha descobrir a origem dos brinquedos clássicos!

Boneca

A boneca é um dos brinquedos mais famosos e que está presente em quase todas as culturas. Inclusive, ela está entre os brinquedos mais antigos da história da humanidade, sabia?

Vários achados indicam que as primeiras bonecas surgiram na Idade do Bronze. Inclusive, até descobriram um objeto que lembra uma boneca com mais de 4.500 anos, acredita? Civilizações como o Antigo Egito, Roma e Grécia também tinham alguns dos primeiros exemplares. Nessa época, muitas eram feitas de madeira, pedra, metal e até de barro.

O objetivo com essa criação, no começo, era uma realizar rituais, sabe? Só que, com o tempo, o item se transformou em objeto para que as crianças tivessem seus próprios bebês de mentirinha.

Bola

Muito antes de qualquer esporte ser criado, surgiu a primeira bola da nossa história. Por ser um item tão comum, é até difícil definir em qual parte do globo ela surgiu.

Só que sabemos que há indícios de que a China já tinha disputas com bolas feitas de couro costurado, há mais de 2.500 anos. Também já foram encontradas bolas de 1.600 anos, confeccionadas de retalhos de couro.

Existem registros de bolas de 1.700 a.C., ali na região da América Central. No século XIX, o futebol começou a ganhar popularidade e aí esse brinquedo caiu no gosto da turminha de vez!

Fantoche

Os fantoches são ótimos para estimular a imaginação, contar histórias e dar vida a personagens, né? Apesar de parecer algo recente, esse brinquedo já existe há milhares de anos.

Os primeiros fantoches apareceram no Antigo Egito e eram compostos de marfim e argila — além de serem articulados. Na Grécia Antiga, os grandes filósofos já citavam a arte de fantoches.

O motivo para esses bonecos terem sido criados é o mesmo pelo qual usamos hoje: contar histórias, divertir e distrair a criançada!

Carrinho

O primeiro automóvel surgiu no começo do século XIX. Só que o carrinho de brinquedo apareceu muito antes, e o mais antigo tem 5.000 anos. É isso mesmo! Antes de termos carros, as crianças já brincavam com eles.

O mais antigo foi encontrado lá na Turquia e era feito de pedra, com detalhes entalhados. A invenção faz sentido, já que as sociedades usavam carroças e outros meios de transporte. Com essas peças de brinquedo, a molecadinha podia (e ainda pode) se imaginar viajando para vários pontos, sem sair do lugar.

Pião

O pião é um brinquedo que, talvez, tenha feito parte da sua infância — ou dos seus pais ou avós. Isso porque ele existe já há bastante tempo.

O primeiro data de quase 6.000 anos e foi achado no Iraque. Ele era composto de argila, um material abundante na região. Depois, vieram os de madeira e, mais tarde, de outros materiais.

Esse é um brinquedo que envolve um pouco de ciência, por causa do movimento perfeito, né? Então, sempre despertou curiosidade, além de exigir habilidade para girar por mais tempo. Nem precisamos dizer que isso o tornou extremamente popular entre as turminhas!

Bambolê

Você deve se lembrar de que, há alguns anos, o bambolê virou uma febre entre as crianças. Era só ligar a TV para ver aqueles artistas que giravam dezenas deles ao mesmo tempo, com muita cor e velocidade. Só que a história dele é bem anterior.

As evidências mais antigas mostram que os gregos usavam o brinquedo como um exercício físico. No começo, eles eram constituídos de bambu, metal e até de gravetos ou grama. Como ele envolve nosso próprio corpo, sua criação aconteceu naturalmente!

A história das brincadeiras populares

Além dos brinquedos, há diversas brincadeiras típicas em todas as partes do mundo. Inclusive, dá para se surpreender com algumas opções, ao conhecer suas origens e características.

Foi pensando nisso que separamos a história por trás de algumas das brincadeiras mais populares pelo mundo. Venha conferir quais são as principais!

Cabra-cega

A cabra-cega é uma brincadeira muito divertida, em que um participante fica de olhos fechados e o resto da turminha fica ao seu redor. Quem está no centro deve “capturar” outro participante, que se torna a cabra-cega.

A origem dela é a China e vem de mais de 2.500 anos. Muitos séculos depois, por volta de 1.500, a brincadeira começou a fazer sucesso nos palácios ingleses. Demais, né?

Joquempô

Talvez você não reconheça pelo nome, mas o joquempô nada mais é que “pedra, papel ou tesoura”. A brincadeira consiste em cada participante fazer um gesto: mão aberta (papel), punho fechado (pedra) e dedos separados (tesoura). A pedra quebra a tesoura, o papel cobre a pedra e a tesoura corta o papel. Ganha quem restar por último!

Ele é feito sem nenhum acessório especial, com regras simples e bem-divertido. Também surgiu na China, há cerca de 2.200 anos. Depois, chegou ao Japão e, no século XX, passou a ser mundialmente famoso.

Jogo da Velha

O jogo da velha é uma ótima opção de lógica e atenção. Só é preciso ter três linhas e três colunas, neste formato: #. Cada quadradinho, no meio e nas bordas, deve ser preenchido com um símbolo, e uma sequência de três símbolos iguais, em linha horizontal, vertical ou diagonal, dá a vitória. Se ocorrer o empate, é sinal que “deu velha”.

Essa opção surgiu, na verdade, há mais de 3.400 anos, lá no Egito. No século XIX, as senhorinhas da Inglaterra aproveitavam o jogo enquanto tomavam chá e faziam crochê — e foi assim que surgiu o nome.

Três Marias

Chamada de Três Marias ou de Cinco Marias, o jogo utiliza pequenos objetos, como pedrinhas ou saquinhos pesados. O objetivo é jogar um desses itens para o ar e recolher os restantes, com vários níveis de dificuldade.

A origem da brincadeira é incerta, mas muitos estimam que ela é pré-histórica. Outros dizem que ela vem da Grécia Antiga ou mesmo do continente asiático.

Amarelinha

A amarelinha consiste em fazer um desenho no chão, com nove quadrados numerados. Só é preciso tirar um número e brincar pulando, com um pé só — e sem pisar nas linhas.

A especulação é de que ela tenha surgido na Roma Antiga, mas ninguém sabe ao certo. No Brasil, foi trazida pelos portugueses e passou a fazer parte do cotidiano da turminha de todos os estilos!

Os países e seus brinquedos de sucesso

Cada país tem aquele brinquedo ou brincadeira que toda criança nativa brinca ou sabe como é. Conhecê-la é, também, um jeito de entender melhor a cultura que existe por trás dessas opções tão divertidas.

Ficou com curiosidade para saber o que faz mais sucesso entre os diversos povos? Veja quais são os países e seus brinquedos de sucesso!

China

Na China, o kendama é um dos brinquedos mais famosos. Ele é formado por uma peça de madeira, parecida com um martelo, e tem uma bola pendurada.

O objetivo é simples: encaixar a bola na estrutura, mas você não pode usar as mãos, e é preciso acertar na velocidade e na força do movimento.

Austrália

Na terra dos cangurus, o Burrow é uma das brincadeiras mais famosas. Também conhecida como “toca”, ela divide os jogadores em três grupos: coelhos, tocas e dingo — que é uma espécie de cachorro caçador.

Quando um coelho fica na toca, as crianças ficam de mãos dadas. Quando o jogo começa, os coelhos devem correr para as tocas, fugindo do dingo. Se um coelho chegar na toca, a criança que estiver nela deve sair e fugir do dingo.

Brasil

A peteca é um jogo de origem indígena que ganhou popularidade em Minas Gerais. Esse brinquedo apresenta uma base mais durinha e tem penas que o ajudam a ficar mais tempo no ar.

O jogo consiste em dar leves tapinhas de baixo para cima, jogando para o outro participante da brincadeira. Quem deixar a peteca cair, perde, e o vencedor é o jogador que resta.

Egito

Um dos jogos de lógica e estratégia mais famosos da história é o xadrez. Ele é o representante do continente africano, já que é típico do Egito. Inclusive, há uma modalidade conhecida como “xadrez egípcio”.

Nesse jogo, cada participante tem duas fileiras de peças, entre cavalos, peões, torres, bispos, rei e rainha. A intenção é proteger o rei e não levar um xeque-mate, jogada fatal para o rei que finaliza a partida. É preciso sempre ficar de olho nas regras de movimentação das peças e criar uma estratégia para vencer.

Dinamarca

É só falar em pecinhas de plástico coloridas que se encaixam para se lembrar do lego, né? Esse brinquedo tão famoso surgiu na Dinamarca, na oficina de um carpinteiro. Então, faz sentido que seja o principal brinquedo do país, né?

Tal opção hoje aparece em várias formas, cores e tamanhos. É possível construir estruturas e até obras de arte com tais peças. É só soltar a criatividade!

A importância do brincar

Curtir os brinquedos não têm a ver apenas com a diversão, sabia? Ativar o #ModoBrincar traz muitos benefícios para a turminha e, por isso, precisa ser estimulado.

Para se convencer sobre por que aproveitar as brincadeiras, veja o que torna essa alternativa tão importante em todas as fases da infância!

Estimula a coordenação motora

Muitos brinquedos têm objetivos que exigem algumas habilidades manuais. Por isso, aproveitá-los é essencial para desenvolver a coordenação motora.

Quanto mais as crianças se divertem e aproveitam as diversas opções, mais fortalecem essa habilidade. Isso vai ajudar a criançada a ficar cada vez mais esperta e preparada para novos desafios.

Desenvolve capacidades sociais

A maioria das brincadeiras fica muito mais legal quando é aproveitada em grupo, né? É exatamente isso que faz com que a molecadinha aprimore as habilidades sociais.

É preciso negociar para chegar a vez de usar o brinquedo, conversar para criar estratégias e ajudar o coleguinha. Então, brincar vai ajudar, sim, a desenvolver essas qualidades tão importantes.

Aumenta a percepção de sentidos

Vários brinquedos também se destacam pelas diferentes cores, texturas e formas. Desde cedo, isso ajuda a estimular os sentidos da turminha.

Essa é uma excelente maneira de fazer com que a molecadinha obtenha curiosidade e melhore a percepção de inúmeros modos — até mesmo na hora de aprender.

Ensina conceitos importantes

O desenvolvimento infantil também depende de conhecer alguns conceitos essenciais: saber perder, saber ganhar, ter persistência, entre outros.

Com as brincadeiras certas, tudo isso é trabalhado. Assim, a molecadinha aprende a lidar com as próprias decepções e até a encarar a frustração, por exemplo.

Conclusão

Os brinquedos clássicos existem no dia a dia há muitos anos e, alguns, até séculos. Além disso, cada país apresenta a sua cultura e suas brincadeiras tradicionais.

Agora que você já conhece tudo isso, que tal se divertir com algumas opções que não sabia como eram? Para tornar tudo ainda melhor, junte-se à criançada para descobrir e experimentar muitos outros brinquedos e brincadeiras!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia Mais

Imagem de duas mulheres e uma criança jogando videogames
0

Confira uma lista com 8 dos melhores jogos para PS4

Imagem de duas crianças jogando xadrez
1326

Jogo de xadrez para crianças: conheça os benefícios e como incentivar os pequenos a jogar 

três crianças sentadas no chão da sala segurando controle jogando os melhor jogos do xbox one
0

Confira uma lista com os 6 melhores jogos do Xbox One

lenda do saci|lenda do saci
3165

Conheça a lenda do Saci e o que as crianças podem aprender com ela

pai e filho jogando bola em quadra representando os jogos para pai e filho
0

Jogos para pai e filho: 8 brincadeiras para se divertir!

Comemoração dia dos pais
533

Dia dos Pais: curiosidades e ideias para comemorar em família