Jogo de cartas para crianças: 5 sugestões divertidas

4 minutos para ler

Mesmo com todo o avanço da tecnologia, não há como negar que um jogo de cartas para crianças continua sendo sinônimo de diversão. Mas não é só isso: você sabia que essa brincadeira também é excelente para ajudar no desenvolvimento da garotada?

Neste artigo, vamos falar sobre 5 jogos indicados para passar momentos memoráveis em família e de quebra, conheça também os principais benefícios de cada um. Vamos lá?

1. Jogo do mico

O jogo do Mico é uma maneira divertida de desenvolver o raciocínio da criançada, além de beneficiar a memória. Assim como colorir ou brincar de carrinho, esse jogo também ajuda a fortalecer as funções motoras.

Para jogar, as cartas do baralho são divididas entre os participantes, que devem formar os pares. Em seguida, cada jogador pega uma carta aleatória do leque nas mãos do jogador ao seu lado. O jogo continua até que todos os pares sejam formados, restando apenas o mico. Como o mico é a única carta que não tem par, quem terminar com ele na mão perde o jogo.

2. Uno

Outro jogo muito divertido e que faz a cabeça da molecada é o Uno. As cartas são divididas em quatro cores (vermelho, azul, amarelo e verde), com números de 0 a 9, além de outras cartas especiais. O objetivo do jogo é tentar se livrar de todas as cartas antes dos outros jogadores.

Da mesma forma que o videogame para crianças, esse jogo é indicado para auxiliar na concentração e melhorar o raciocínio lógico. Além disso, o Uno também ensina a garotada a resolver somas simples.

3. Jogo da memória

Como o próprio nome já diz, o jogo da memória é perfeito para exercitar essa habilidade nas crianças, além de estimular o raciocínio rápido e a memória fotográfica. Ele pode ser jogado com vários participantes ou apenas por um único jogador. No primeiro caso, quem fizer o maior número de pares ganha. Ao jogar sozinho, é preciso formar os pares no menor tempo possível.

O jogo começa com todas as cartas sobre a mesa viradas de cabeça para baixo. Cada jogador deve virar duas cartas a cada rodada, mostrando-as para todos. Se forem iguais, ele ganha as cartas e joga de novo. Se forem diferentes, as cartas são viradas para baixo de novo. Ao final, quem tiver mais cartas é o vencedor.

4. Mexe-mexe

Para se dar bem no mexe-mexe é preciso bater primeiro que os outros participantes. As cartas do monte só devem ser compradas quando o jogador não tem nenhuma combinação de cartas para fazer nas mãos ou nos jogos que estão sobre a mesa. É uma ótima pedida para treinar a percepção espacial e o raciocínio estratégico da garotada.

5. Baralho infantil

Indicado para soltar a imaginação, estimular a criação de estratégias e ajudar a criança aprender a tomar decisões, o baralho do Pokémon ainda vai prender a atenção das crianças por um bom tempo.

E que tal apostar em truques mágicos pra lá de divertidos? As caixinhas de mágicas trazem truques simples de ilusionismos explicados passo a passo. Esse jogo é perfeito para desenvolver a criatividade e também a confiança das crianças, que se sentem importantes ao mostrar as “mágicas” para o público.

Como você viu, além da diversão em família ser garantida, o jogo de cartas para crianças é uma forma lúdica para estimular o desenvolvimento de diversas habilidades nos pequenos. Que tal passar um tempo de qualidade jogando com a criança e envolvê-la em outras brincadeiras sem o uso de tecnologias ou eletrônicos?

Além dos jogos de cartas, outro jogo ideal para estimular o raciocínio e concentração é o xadrez. Aproveite para ler nosso artigo sobre como incentivar o jogo de xadrez para crianças.

Posts relacionados

Deixe um comentário