Saiba a importância do brincar para o desenvolvimento infantil

7 MINUTOS DE LEITURA
1566
A importância do brincar para o desenvolvimento infantil|
Pai brinca com filho e filha

Todos nós já fomos crianças. Por isso, basta puxar um pouquinho na memória para se lembrar de momentos tocantes, seja brincando entre amigos ou com os pais e responsáveis, não é? Mas saiba que não é só pela diversão e boas lembranças; afinal, existe a importância do brincar para o desenvolvimento infantil.

Isso mesmo, brincar não é apenas gostoso, não é só por render aquela risada gostosa da criançada, mas é porque ajuda no desenvolvimento, seja para estimular as habilidades sociais ou desenvolver a coordenação motora, entre outros.

É por essas e muitas outras razões que toda criança tem direito de brincar. Já quanto aos pais e responsáveis, esses podem entender um pouco mais dessa importância.

Pensando nisso, conversamos com a psicóloga Nanda Perim, que traz diversos pontos sobre a importância do brincar para o desenvolvimento infantil. Neste artigo, você também vê como a Ri Happy se preocupa em espalhar essa consciência da brincadeira. Acompanhe!

A importância do brincar para o desenvolvimento infantil

Podemos resumir que a brincadeira é essencial ao desenvolvimento infantil. Nas palavras da psicóloga, “a brincadeira, além de divertir e liberar hormônios e neurotransmissores do prazer e da felicidade, também tem a função de testar e exercitar habilidades, papéis e sensações, treinando a criança para a vida”.

Além disso, é com brincadeiras que os pequenos podem descobrir paixões e se conhecer melhor. “Em uma brincadeira, quando a criança se equilibra no parapeito da calçada da rua, ela está exercitando o equilíbrio e uma leve sensação de medo, enfrentando esse medo enquanto equilibra seu corpo para não cair. Ela também descobre se ela gosta da sensação proprioceptiva do risco de cair”, revela Nanda Perim.

Como as brincadeiras ajudam de fato

A verdade é que, além de ajudar no autoconhecimento, a brincadeira nos estimula em diversos tipos de desenvolvimento. Inclusive, quantos de nós não descobrimos em brincadeiras o que gostaríamos de fazer na vida profissional, não é mesmo? Falamos em detalhes sobre o tema na sequência.

Desenvolvimento motor

“Ao praticar habilidades e exercitar movimentos, o corpo tem a oportunidade de evoluir no aspecto motor e físico”, revela Nanda. Se o pequeno está desenhando ou colorindo, ele está desenvolvendo a coordenação motora fina.

Quando colocamos uma música animada para tocar e chamamos a criançada para dançar, é a vez de desenvolver a coordenação motora grossa, que também é beneficiada em corridas, jogos de amarelinha, entre outros.

Convívio social e emocional

Além disso, o brincar também auxilia no aspecto emocional. “Por exemplo, se na brincadeira a criança faz de conta que está brigando com alguém e consegue respirar fundo para se acalmar, então, ela terá maiores chances de realmente conseguir tranquilidade quando uma raiva verdadeira vier no dia a dia”, comenta a especialista. 

Por isso, é interessante estimularmos esses exercícios durante a fantasia, pois auxiliamos no desenvolvimento dessas habilidades e, por consequência, na maturidade dessas funções.

“É interessante perceber que, ao exercitar, por exemplo, o ato de se acalmar durante uma brincadeira, a criança acaba também por formar opinião e conceitos mais abstratos sobre suas emoções, evoluindo seu pensamento e lógica.”.

Outro ponto é o aspecto social, como Nanda Perim diz: “a criança exercita nas brincadeiras o lidar com o outro, o cumprir regras, esperar a própria vez e o compartilhar. Na brincadeira, a criança também aprende sobre a dificuldade que o outro enfrenta”.

Os pais como estimuladores das brincadeiras

“O principal, na minha opinião, é promover a autonomia, não fazendo pela criança o que ela pode fazer sozinha, o que ajuda em relação à autoestima e autoconfiança”, comenta Nanda.

Nesse sentido, vale a pena começar criando pequenas etapas e isolando as dificuldades da criança, para que ela se fortaleça nos pequenos movimentos. Um exemplo dado pela psicóloga é na hora de colocar a camisa, com a dificuldade do pequeno em achar os buracos dos braços: aqui é melhor ver a criança errando e acertando do que fazer por ela.

Tecnologia: sim ou não?

Para a psicóloga Nanda Perim, “a tecnologia pode ser usada de forma positiva nesse aprendizado — existem vários aplicativos e séries que ensinam sobre emoções, números, letras, inglês, além de coordenação motora fina e grossa e raciocínio lógico”. Um desenho no YouTube pode ajudar no desenvolvimento da fala, por exemplo.

Assim, a sugestão dela é “não liberar o YouTube discriminadamente. Vale optar por alguns aplicativos específicos, que sejam os mais enriquecedores possíveis. Também é preciso estabelecer um tempo máximo por dia na rotina para uso de telas, que seja bem menor do que o tempo separado para brincadeiras livres”.

O papel da Ri Happy na importância do brincar para o desenvolvimento infantil

Brincar faz parte do negócio da Ri Happy, mas vai além. É uma cultura da marca que todos os colaboradores sentem no dia a dia. Como? Simples, hoje, o posicionamento é “Quanto mais brincadeira, melhor”, e isso de fato é visto no dia a dia.

“O posicionamento reforça a nossa essência e a nossa dedicação em oferecer experiências únicas para os nossos consumidores associadas ao brincar. Há tempos deixamos de ser somente lojas de brinquedos para um ecossistema focado em entretenimento por meio do brincar e da conexão familiar”, comenta Carolina Braune, Head de Marketing & CX no Grupo Ri Happy, responsável pelas marcas Ri Happy e PBKIDS.

Tanto é que, em 2020, a Ri Happy instituiu um feriado para que as brincadeiras fossem mais bem vivenciadas. É o dia 28 de maio, quando se comemora, no Grupo, o Dia Internacional do Brincar.

Todos os cerca de 3.400 mil colaboradores tiveram direito ao feriado, sendo que as equipes das áreas administrativas não trabalharam no dia exato e os colaboradores de lojas receberam um dia de folga. “Vamos sempre reforçar a importância das pessoas dedicarem mais tempo para brincar, começando sempre pela nossa equipe interna, como forma de estabelecer conexões familiares e o desenvolvimento de habilidades essenciais das crianças”, esclarece Carolina.

Para reforçar a importância do brincar para o desenvolvimento infantil, a Ri Happy criou um manifesto que ressalta o poder de uma surpresa e da conexão familiar. A campanha, protagonizada pelo Solzinho, personagem ícone da marca e embaixador do brincar, foi divulgada em todas as redes sociais da Ri Happy.

Também, ela conta com ações com influenciadores, explorando os territórios da surpresa, do aprendizado e da brincadeira. A ideia é sugerir que todos, tanto crianças, quanto adultos, sejam melhores versões de si mesmos a partir do brincar. Bacana, não é?

A verdade é que, além da importância do brincar para o desenvolvimento infantil, as brincadeiras aumentam a conexão entre todas as pessoas, independentemente da idade. São sempre lembranças agradáveis. Por isso, conte com as ideias e iniciativas da Ri Happy na hora da diversão e para estabelecer laços afetivos.

Agora que você viu o quanto as brincadeiras agregam ao desenvolvimento infantil, conheça nossa loja e veja todas as opções que ajudam a tornar os momentos com a criançada ainda mais gostosos!

Compartilhar no facebook
Compartilhar no twitter
Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no google

ATIVIDADES #MODOBRINCAR

Se divertir é

UAAAAAU!

iupii

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia Mais

Curiosidades dias das mães
785

Dia das Mães: curiosidades sobre a data e dicas para comemorá-la

Considerada uma das datas mais especiais do calendário, o Dia das Mães é a época do ano perfeita para reunir a família e celebrar a...
benefícios das atividades físicas para as crianças|benefícios das atividades físicas para as crianças
1503

10 benefícios das atividades físicas para crianças!

A prática de atividades físicas na infância é muito importante. Leia o nosso post agora mesmo e entenda os benefícios desse hábito!
pais com seus filhos abraçados comemorando o dia internacional da familia
0

Dia Internacional da Família: como curtir a data com as crianças

O Dia Internacional da Família é comemorado em 15 de maio e foi criado em uma Assembleia Geral da Organização das Nações Unidas (ONU), em...
fases do desenvolvimento infantil: mãe oriental com seu filho sorrindo ao brincar
4950

Fases do desenvolvimento infantil: entenda e conheça melhor seu filho

Quer conhecer as fases da criança e conhecer ainda melhor seu filho? Então clique aqui agora mesmo e confira mais sobre o assunto!
Imagem de uma criança abraçando um cachorro
1821

Conheça 6 benefícios dos animais na educação infantil

Pensando em adotar um bichinho para as crianças? Veja por que essa é uma ótima ideia e quais os benefícios dessa decisão para o desenvolvimento infantil!
disputa entre beyblades em arena de batalha
0

Descubra o que é beyblade, como jogar e quais são os principais tipos

Se você é fã de mangás e animes, com certeza, já sabe o que é beyblade. Vindo diretamente do oriente, este brinquedo conquista gerações e...