Chegada do bebê: da preparação aos principais cuidados

9 MINUTOS DE LEITURA
14400
chegada do bebe

Após a longa e desafiadora jornada de espera, a chegada do bebê é um dos momentos mais complexos da maternidade. Afinal, por mais emocionante e incrível que seja, tudo muda, e pode não ser tão fácil se adaptar a uma rotina tão distinta. 

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), tomar algumas precauções nas primeiras seis semanas pós-parto é vital para a sobrevivência materno-infantil. Esses cuidados não se limitam apenas ao físico, mas também à saúde mental da mamãe e do bebê com até 45 dias de vida.

Se você busca por autonomia e segurança para cuidar do pequeno, ao mesmo tempo que precisa se adaptar a essa fase, está no lugar! Neste artigo, você confere os cuidados mais importantes com a chegada do recém-nascido — desde a preparação até o retorno para casa.

Preparação para a chegada do bebê

Preparar-se para a chegada do bebê é uma etapa emocionante e repleta de expectativas. Desde a confirmação da gravidez, começam os planos e a organização para garantir que tudo esteja pronto quando o tão aguardado dia finalmente chegar.

Uma dúvida comum é quando deixar tudo pronto para a chegada do bebê. É uma boa ideia organizar o quarto e comprar o que é necessário durante o segundo trimestre da gravidez, deixando tudo pronto até às 36 semanas. Confira mais detalhes desse momento!

Enxoval do bebê

Uma das primeiras tarefas é a montagem do enxoval. A lista de o que comprar para a chegada do bebê inclui itens essenciais, como roupas, fraldas, mamadeiras, chupetas, berço, carrinho e outros utensílios que tornarão os primeiros meses mais confortável e práticos para os pais. 

A escolha dos itens deve considerar a estação do ano em que o bebê vai nascer, as preferências dos pais e o orçamento disponível. Planejar e pensar no que é realmente necessário tornam a chegada do pequeno mais tranquila e agradável.

Quarto do bebê

Além de montar o enxoval, é fundamental criar um ambiente aconchegante e seguro. Então, como preparar o quarto para a chegada do bebê? Comece pintando as paredes com cores suaves e escolhendo móveis essenciais, como berço, cômoda e poltrona de amamentação. 

Não se esqueça de garantir que o quarto esteja bem iluminado, ventilado e na temperatura adequada. Verifique a segurança do ambiente, instalando protetores de tomada, grades para proteção da cama e redes nas janelas, se for necessário.

Uma das etapas mais emocionantes é lavar e organizar as roupinhas e os produtos de higiene no guarda-roupa e na cômoda. Considere a decoração do quarto com elementos que trazem personalidade e aconchego, como quadros, tapetes e cortinas.

Música para o parto

A escolha da música para a chegada do bebê é especial para os pais, repleto de sentimento e significado. A melodia suave e alegre cria um ambiente acolhedor, preparando o cenário para o novo membro da família.

Alguns casais optam por canções que marcaram momentos especiais, enquanto outros escolhem músicas que transmitem amor, serenidade e alegria. Isso torna o momento ainda mais memorável e significativo para todos os envolvidos.

Com tudo pronto, a contagem regressiva para a chegada do bebê acompanha grande ansiedade e expectativa. À medida que a data se aproxima, os pais podem se sentir menos pacientes e mais empolgados para finalmente conhecer o novo membro da família.

Recepção do novo membro da família

O dia tão esperado finalmente chegou! A chegada de um bebê é um momento de alegria e celebração. A recepção para dar as boas-vindas ao recém-nascido é repleta de carinho e amor. Nessa hora, avós, tias, tios e amigos se reúnem para compartilhar a felicidade dos pais e acolher o novo membro da família.

Uma recepção para chegada do bebê simples pode incluir balões, flores e enfeites delicados, que espelham a ternura desse momento especial. Se desejar dar um toque extra de encanto, escolha um bolo temático e doces personalizados.

Cuidados com o recém-nascido

Após a chegada do bebê, tanto ele quanto a mãe passam por diferentes procedimentos que asseguram a saúde e o bem-estar. Na maternidade, o recém-nascido realiza os primeiros exames, como o teste do pezinho, do olhinho, do coraçãozinho e da linguinha, que podem diagnosticar doenças congênitas precocemente.

De acordo com o Ministério da Saúde (MS), o bebê deve receber as vacinas contra hepatite B e tuberculose (BCG) nas primeiras horas de nascimento, ainda no hospital. Após esse período, é importante seguir o calendário de vacinação com atenção.

Cuidados em casa

Com a chegada do bebê em casa, é recomendado que tanto o pequeno quanto a mamãe sejam protegidos de visitas e ambientes externos, exceto durante a primeira consulta ao pediatra (que costuma acontecer no 15º dia de vida do bebê). Tal orientação é dada tendo em vista a imaturidade imunológica da criança e a vulnerabilidade da puérpera.

Durante o mês da chegada do bebê, também é importante manter a casa silenciosa, evitando muitos sons, luzes e cheiros. O motivo é que recém-nascidos ainda estão se adaptando à vida fora do útero, e o excesso de estímulos pode causar estresse, atrapalhando o desenvolvimento. 

Amamentação

A amamentação também é um dos cuidados indispensáveis com o recém-nascido, já que garante os nutrientes necessários para ele se desenvolver. Apesar de ser um ato de amor, a prática pode representar um grande desafio para a mamãe.

Para se preparar para a chegada do bebê, a dica é buscar por uma rede de apoio ou uma consultora de amamentação — profissional que auxilia no aleitamento por estudos clínicos. 00

chegada do bebe

Como dar o primeiro banho no recém-nascido em casa? 

Mesmo ao preparar a chegada do bebê e seguir as orientações do pediatra, é comum ter dúvidas a respeito do primeiro banho em casa. Apesar de sentir receio, não encare a tarefa como um bicho de sete cabeças. Com o tempo, tudo fica muito mais fácil.

A dica é deixar tudo preparado e com fácil acesso para você não precisar se ausentar em nenhum momento para buscar algum item. Na lista, devem estar: sabonetes neutros ou suaves, feitos à base de glicerina, toalha com capuz, algodão, fralda e roupinha.

Especialistas recomendam que o corpo do bebê seja enrolado em uma toalha para a cabeça ser lavada primeiro nos primeiros dias de vida. Depois, é importante secar a cabeça e lavar o restante do corpo gentilmente. A água na banheira deve estar morna e confortável para a criança, com a temperatura em torno 36°C.

Trocas de fralda

As primeiras trocas de fralda também podem ser bem desafiadoras. Porém, com a prática, você saberá exatamente o momento ou a frequência para realizá-las. O passo a passo a seguir pode ajudar:

  1. deite o pequeno no trocador ou em uma superfície plana e retire a roupinha;
  2. remova a fralda usada e limpe bem todas as dobrinhas da pele do bebê com algodão úmido. As meninas devem limpas sempre da frente para trás;
  3. aplique pomadas ou óleos vegetais suaves para evitar as assaduras e as possíveis irritações; 
  4. levante delicadamente as pernas do bebê pelo tornozelo e coloque a fralda nova por baixo. Feche-a na direção recomendada e ajuste as abas para não apertar. Opte por versões com recorte para o coto umbilical ou faça uma dobra para não sobrepor. 

É importante monitorar a fralda ao longo do dia e realizar trocas quando ela estiver suja. Em geral, nas primeiras semanas de vida, o bebê faz cocô com uma coloração esverdeada e espessa, de sete a nove vezes por dia. Caso note vazamentos frequentes e marcas vermelhas na pele, busque por outro tipo ou tamanho de fralda. Se isso persistir, leve o pequeno ao médico. 

Coto umbilical 

O coto umbilical é o nome dado ao resquício de cordão umbilical encontrado no umbigo do bebê após o nascimento. Normalmente, ele cai até o 15º dia de vida. Até lá, é preciso higienizar bem para evitar o acúmulo de bactérias e prevenir o surgimento de infecções ou inflamações.

Após o banho e a cada troca de fraldas, é importante secá-lo bem e limpá-lo com um pouco de álcool 70%, aplicado em uma gaze. Feito isso, não é necessário colocar faixas, apenas deixá-lo secar naturalmente. 

Em alguns casos, o coto umbilical pode apresentar secreção amarelada e purulenta, com mau cheiro e vermelhidão ao redor. Isso pode indicar uma infecção e deve ser investigado pelo pediatra. 

Sono do recém-nascido

No início da vida, o bebê dorme bastante, muitas vezes ao dia, acordando quase apenas para mamar. Para garantir um bom sono, é importante que ele durma em um lugar tranquilo, arejado e limpo. Veja alguns pontos de atenção para esse momento: 

  • coloque o bebê no mesmo cômodo dos pais;
  • deixe-o dormir de barriga para cima e sem travesseiro, nunca de bruços;
  • não cubra a cabeça e o rosto do bebê. Prefira aquecê-lo com mais roupas, em vez de cobertas;
  • fique atento à temperatura do ar, que deve estar agradável;
  • retire brinquedos e bichos de pelúcia do berço na hora de colocar a criança para dormir;
  • não fume ao redor do bebê ou do quarto, nem utilize produtos de limpeza com odores fortes.

Gravidez de A a Z é no blog Modo Brincar

Gostou das dicas e já sabe quais cuidados tomar com a chegada do bebê? Que tal aproveitar o tempo livre para conferir ainda mais truques para essa fase tão especial? Navegue pelo blog Modo Brincar para conferir artigos incríveis sobre bebês e gravidez de A a Z.

ATIVIDADES #MODOBRINCAR

Se divertir é

UAAAAAU!

Kaboom

Leia Mais

iupii

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *