Qual é a importância da doação de brinquedos?

Imagem de um adulto e uma criança separando alguns itens para doação.

Doar é um ato de amor ao próximo e, por esse motivo, é importante estimular essa prática altruísta desde a infância. Além de evitar o acúmulo, a doação de brinquedos contribui para desenvolver o lado emocional das crianças — além, é claro, de fazer a alegria da garotada que vai recebê-los.

Porém, abrir mão daquele brinquedo que já ficou esquecido não é uma tarefa fácil para algumas crianças. Para ajudar nessa missão, preparamos este artigo especial. Vamos conferir?

Qual é a importância da doação de brinquedos?

Estimular a doação dos brinquedos que a criança não usa mais é uma ótima maneira de ensinar importantes lições para a vida toda. Vamos conferir alguns dos principais benefícios para quem doa e para quem recebe?

Para quem recebe

Quando o assunto é brinquedo, muitas crianças têm tantos, que nem conseguem brincar com todos eles, enquanto outras não têm condições de ter nenhum. Receber a doação de um brinquedo que já estava esquecido no fundo do armário faz toda a diferença na vida dessa turminha, que vai se divertir e aproveitar a importância do brincar para o seu desenvolvimento.

Na hora de separar os itens para doar, explique ao pequeno que as crianças que não têm nada para brincar ficam tristes e que, quando outra criança que tem mais brinquedos compartilha, isso as deixa muito felizes e agradecidas.

Para quem doa

Incentivar a solidariedade por meio do ato de doar vai fazer a criança se colocar no lugar do outro, o que é muito bom para o desenvolvimento infantil. Aprender a dividir é fundamental para a construção de valores essenciais na vida em sociedade, como amizade, empatia, solidariedade e respeito pelos menos favorecidos.

Além disso, fazer algo de bom para o próximo contribui para elevar a autoestima da criança, que se sente relevante ao ajudar quem precisa. Isso sem falar que ela se torna menos consumista e mais desapegada aos bens materiais.

Gentileza infantil

A gentileza é um comportamento que se adquire por meio do hábito. Desde pequenas as crianças precisam ter exemplos de como interagir de uma forma mais gentil e empática com os demais, para serem adultos mais tolerantes, generosas e com capacidade de dialogar.

O respeito é a base para uma sociedade mais justa e equilibrada. E nada melhor do que começar pela base, ensinando as crianças como promover essa interação interpessoal de uma forma saudável. Podemos incentivar a doação de brinquedos também com essa finalidade.

Como você viu, o ato de dividir incentiva a amizade, a solidariedade e o respeito. A criança se coloca no lugar do outro e realiza um ato positivo, aprendendo a lidar com seu semelhante de uma forma mais delicada e atenciosa.

Apoio no desenvolvimento

Tudo que falamos para você até aqui prova que a doação de brinquedos contribui de uma forma significativa com o desenvolvimento da criança. Afinal, quando ela aprende a dividir está trabalhando as suas habilidades sociais, que são fundamentais para que possa ter uma convivência mais saudável em sociedade.

Incentivar essa doação estimula a criança a pensar no outro; promove desde cedo um incentivo para o olhar crítico sobre a comunidade na qual ela está inserida. Ela terá a oportunidade de analisar realidades diferentes da dela e entender que existe uma grande diversidade no mundo — e que nem todos têm as mesmas oportunidades.

Essa é uma reflexão essencial, porque a criança aprende o valor daquilo que ela tem e compreende que é possível melhorar a vida de todos quando compartilhamos. Porém, o desenvolvimento não vem apenas com a observação desses aspectos; ele também se dá em função da renovação de ciclos.

Quando a criança faz a doação de brinquedos, ela está deixando uma fase para trás e entrando em outra. Como você deve saber, os brinquedos são as ferramentas que a criança utiliza para praticar habilidades e vivenciar experiências, que vão treiná-la para aquilo que a vida entrega.

Sendo assim, conseguimos fazer com que a meninada desapegue daquilo que ela doou, abrindo espaço para novas oportunidades. Ajudamos no seu amadurecimento e na vivência de novos temas e universos. Tudo isso faz com que ela receba estímulos diferentes e se desenvolva de uma forma mais completa.

Como incluir as crianças no ato de doar?

Depois de convencer a turminha sobre a importância de doar brinquedos para aqueles que não têm, o próximo passo é incluí-la no processo. Para isso ser feito com tranquilidade e trabalhar as emoções da melhor forma, nada de doar sem o consentimento da criança, combinado? Você pode até ajudar dando sugestões, mas deixe que ela escolha quais devem ser doados.

É importante respeitar a opinião e dar autonomia à garotada, deixando a decisão final com eles. Converse e explique que a idade de se divertir com determinados brinquedos já passou e que outras crianças vão ficar contentes ao recebê-los e brincar com eles.

E que tal deixar o momento de separar os brinquedos mais divertido? Para isso, prepare uma playlist com músicas que deixam o processo mais alto astral, por exemplo. Outra opção é pedir para a criança conferir se o brinquedo está em boas condições ou se não está faltando nenhuma peça.

Mais uma maneira de incluir a criança no ato de doar é incentivá-la a entregar pessoalmente os brinquedos. Porém, caso a doação seja para um orfanato ou outras instituições, o ideal é esperar que ela seja maior de 11 anos.

Imagem de uma criança carregando uma caixa com brinquedos para doação.

Como incentivar o desapego e a doação de brinquedos?

Você viu que incluir a criança na doação de brinquedos é uma excelente maneira de fazer com que ela seja incentivada a desapegar daquilo que está em excesso, ou que não utiliza mais. Mas existem ainda outras ações que você pode adotar para que isso se torne um hábito no comportamento da criança. Veja só!

Dê o exemplo

Uma forma de fazer isso é dar o próprio exemplo. Periodicamente, faça uma limpeza em suas próprias coisas, tanto roupas quanto outros objetos ou itens de cozinha. Peça a ajuda da criança para separar aquilo que será doado.

Deixe claro para ela que esses objetos serão entregues a pessoas que estão precisando. Assim, a turminha terá contato com esse tipo de atitude, vai se habituar e também despertará a vontade em realizar esta ação.

Explore as brincadeiras

Já que estamos falando de brinquedos, podemos utilizar o universo das brincadeiras para incentivar o ato de doar. Você pode brincar com a criança criando situações que envolvam a doação e o compartilhamento.

Pratique o diálogo aberto

O diálogo é sempre um ótimo caminho. Converse com a criança para que ela entenda que está crescendo e que alguns brinquedos que ela guarda já não são mais para sua idade. Explique que agora é hora de brincar com coisas novas, até mesmo para que as brincadeiras sejam mais divertidas.

Troque a decoração do quarto

Você pode convidar a criança para criar uma decoração nova no quarto dela utilizando aquilo que já tem. Assim, os brinquedos mais antigos e aqueles que ela não brinca ficarão de fora dessa decoração. E você pode sugerir que eles sejam doados para que não fiquem ocupando espaço, além de fazerem outra criança feliz.

Mostre o resultado da doação

Mais uma dica é permitir que a criança tenha contato com esse universo de dar e receber. Mostre para ela eventos que já aconteceram de crianças recebendo brinquedos doados. Enfoque a alegria da galerinha que foi presenteada e explique que os brinquedos que ela vai doar servirão para isso.

Elogie atitudes positivas

Trabalhe o reforço positivo toda vez que a criança desapegar de alguma coisa, ainda que seja algo muito pequeno. Parabenize esse ato de desapego e diga o quanto você se orgulha de ela estar crescendo e ajudando as pessoas.

Incentive a renovação

Para finalizar, você pode estabelecer algumas datas específicas para estimular a criança a se desfazer de alguns brinquedos para dar espaço aos novos. Isso pode ser no seu aniversário, no Natal ou no Dia das Crianças, por exemplo.

Aliás, nestas duas últimas datas costumam acontecer muitas campanhas de arrecadação de brinquedos. É um momento muito válido para envolver as crianças em um movimento que inclui muito mais pessoas, para que elas se sintam parte de algo grandioso. Assim, verão que a sua pequena atitude faz toda a diferença para deixar alguém mais feliz.

Em quais momentos a doação de brinquedos deve estar presente na vida da criança?

É importante sempre lembrar que a doação de brinquedos não é um ato que vai acontecer de uma hora para outra. Algumas crianças podem ter mais facilidade para desapegar, enquanto outras têm um pouco mais de dificuldade. Então, é preciso ter paciência e respeitar o tempo de cada uma.

Dê o exemplo aos poucos e sempre reforce como compartilhar é positivo, fazendo bem para quem recebe e para quem doa. Não se esqueça, também, de que nos primeiros anos a criança tem uma fase egocêntrica e pode ter muita dificuldade para desapegar de tudo.

Respeitar essa fase de desenvolvimento é fundamental para que o ato de doar se desperte de uma forma natural e espontânea. Ele precisa ser associado a algo prazeroso, que traz satisfação e realização para a criança. Não pode ser algo forçado, pois pode ter um efeito negativo.

Sendo assim, não podemos fixar uma idade exata para dar início a esses estímulos e incentivos. A doação de brinquedos deve estar presente na vida da criança no momento em que ela estiver preparada para isso, o que depende da observação do seu comportamento.

Porém, os exemplos não têm hora para acontecer. Quanto antes a criança perceber que o ato de doar é algo benéfico e natural, mais rápido ela poderá participar disso, desapegando de suas coisas e aceitando dividir aquilo que é seu.

Gostou de conhecer a importância da doação de brinquedos e como incluir a criançada na tarefa? Que tal tornar esse ato de amor um hábito? Não se esqueça de dar o exemplo, respeitar o tempo da turminha e incentivá-la de forma constante, para que isso desperte naturalmente e a criança se sinta bem e satisfeita consigo mesma por suas atitudes altruístas.

E você, o que acha de receber conteúdos interessantes e úteis como este em seu e-mail? Basta assinar a nossa newsletter para não perder nada!

iupii

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Leia Mais

Imagem de duas mulheres e uma criança jogando videogames
0

Confira uma lista com 8 dos melhores jogos para PS4

Quem é apaixonado pelo mundo dos games certamente conhece o PlayStation. Esse console é um dos mais famosos para quem ama jogar, por isso está...
Imagem de duas crianças jogando xadrez
1326

Jogo de xadrez para crianças: conheça os benefícios e como incentivar os pequenos a jogar 

Depois da estreia de O Gambito da Rainha, na Netflix, muita gente voltou a se interessar pelo xadrez e viu quão divertido e emocionante é...
três crianças sentadas no chão da sala segurando controle jogando os melhor jogos do xbox one
0

Confira uma lista com os 6 melhores jogos do Xbox One

O mundo dos games é uma verdadeira paixão para todas as idades. Os gráficos incríveis e as histórias fantásticas tornam essa atividade muito divertida para...
lenda do saci|lenda do saci
3165

Conheça a lenda do Saci e o que as crianças podem aprender com ela

A lenda do Saci traz muitos ensinamentos. Por isso é interessante valorizá-la e contá-las às crianças. Em nosso post, falamos sobre o assunto. Confira!
pai e filho jogando bola em quadra representando os jogos para pai e filho
0

Jogos para pai e filho: 8 brincadeiras para se divertir!

Quer estreitar os laços com seu pequeno e não sabe como começar? Que tal programar um dia inteirinho com jogos para pai e filho? Assim,...
Comemoração dia dos pais
533

Dia dos Pais: curiosidades e ideias para comemorar em família

O Dia dos Pais é uma data megaespecial comemorada em todo o mundo. Seu objetivo é homenagear a figura paterna, destacando o papel importantíssimo dessas...