Por que ensinar libras na educação infantil para surdos e ouvintes?

6 minutos para ler

Quando pensamos em ensinar uma segunda língua para crianças, logo cogitamos o inglês ou espanhol, não é mesmo? Entretanto, você já considerou a ideia do seu filho aprender libras na educação infantil?

A inclusão social é apenas um dos motivos pelos quais é tão importante incentivar esse tipo de comunicação ainda na infância. Talvez você não saiba, mas a língua brasileira de sinais é considerada uma língua oficial em nosso país desde 24 de abril de 2002, por meio da Lei nº10.436, também conhecida como Lei de Libras.

Quer saber mais sobre o assunto? Então, continue a leitura do artigo até o final!

Qual é o impacto da perda auditiva na vida das pessoas surdas?

libras na educação infantil

Muitas vezes, quem é ouvinte não faz ideia do quanto uma perda auditiva pode afetar a vida de uma pessoa. Em uma sociedade em que a competência da comunicação oral é uma das mais valorizadas, a deficiência auditiva pode influenciar diretamente a vida pessoal e profissional dos indivíduos.

Por esse motivo, é muito importante que as pessoas ao redor dos surdos promovam a inclusão por meio da libras, para que eles possam se comunicar com qualidade, integrar ambientes sociais e se desenvolver enquanto pessoas e cidadãos. Dessa forma, fica muito mais fácil interagir, compreender informações e desenvolver as capacidades cognitivas, sociais e emocionais.

Como aprender libras ajuda a criança com deficiência auditiva?

Existe um grupo de crianças que pode não ter a resposta auditiva esperada, mesmo com o uso do aparelho auditivo ou do implante coclear. Geralmente, são pessoas que nascem com surdez muito profunda, sem um nervo auditivo ou mesmo com alguma malformação cerebral. Nesses casos, é indispensável que a língua de sinais seja adquirida pela criança surda o quanto antes.

Ricardo Godinho, otorrinolaringologista pediátrico, coordenador da equipe de otorrinolaringologia do Hospital Mater Dei Contorno e professor da PUC Minas Gerais, explica mais sobre o assunto. “Para essas crianças, a língua de sinais é importante, já que se trata de uma maneira de incluí-las na sociedade e no convívio com os pais. A libras, portanto, é uma forma de inclusão.”, pontua.

Mas não é apenas para essas pessoas que a libras é um meio importante de comunicação. A língua de sinais é vista por boa parte da comunidade surda como um identidade, e muitos pais já optam pelo modelo bilíngue de educação de crianças surdas. Dessa maneira, a alfabetização se dá em língua de sinais e o português é ensinado depois, como segunda língua.

A língua de sinais pode ser fundamental na formação escolar dos alunos surdos, já que permite que a criança tenha mais oportunidades. Afinal, ao contar com um intérprete em sala de aula (ou com um professor que saiba libras) fica muito mais fácil para a criança assimilar as explicações naquela que pode até mesmo ser sua primeira língua de comunicação.

Nesse contexto, ensinar a língua de sinais na educação infantil para ouvintes é um modo de garantir a socialização e a interação da criança surda na sociedade, além de valorizar e reconhecer a cultura desse grupo.

Powered by Rock Convert

Como aprender libras ajuda a criança ouvinte?

Quando falamos na importância de uma criança ouvinte aprender uma segunda língua, geralmente, pensamos em um idioma oral-auditivo. Entretanto, é fundamental considerar a língua de sinais como forma de inclusão social, e não estamos falando apenas de integrar a criança surda.

Primeiramente, conhecer libras é um jeito de a criança ouvinte superar o preconceito que existe com as pessoas surdas. Afinal, a educação inclusiva apresenta como objetivo educar as pessoas para respeitar as diferenças e valorizar as particularidades de cada um.

O ensino de libras na educação infantil para crianças ouvintes possibilita a interação entre os dois grupos (surdos e não surdos), o que é produtivo para ambos e estimula as habilidades cognitivas que o bilinguismo oferece ao cérebro.

“Aprender inglês ou outras línguas, como espanhol e mandarim, e se envolver de forma mais abrangente com essas culturas são experiências que ampliam a visão de mundo. O mesmo acontece com a libras”, destaca o Dr. Ricardo Godinho.

O ensino de libras também ajuda a criança a desenvolver as capacidades de atenção, concentração e expressão corporal, já que se trata de uma língua visuoespacial.

Do ponto de vista emocional, interagir com um colega surdo aumenta a sensibilidade da criança. Ela cresce sabendo libras, torna-se um adulto mais consciente do seu papel na sociedade e repassa o ensinamento para seus filhos. Dessa forma, os pequenos passam a ser agente de mudança na comunidade, aumentando o poder de inclusão social.

Como os jogos podem ajudar na interação entre ouvintes e surdos na educação infantil?

A maneira como os pequenos mais aprendem é utilizando o lúdico, já que se trata de algo próprio do mundo infantil, que proporciona uma aprendizagem quase que inconsciente. É uma forma gostosa e eficaz para as crianças assimilarem qualquer conhecimento.

Portanto, uma das maneiras de incentivar a comunicação entre ouvintes e surdos na educação infantil é criando atividades para que ambos os grupos possam aprender juntos. Os jogos de tabuleiro, da memória e de dominó, por exemplo, são ótimas opções. Isso porque eles incentivam a interação entre surdos e ouvintes, já que não dependem da audição para serem praticados.

Nós da Ri Happy somos preocupados em atender às diversidades e promover brinquedos que ajudem no ensino e na aprendizagem das crianças. Portanto, contamos com uma grande variedade de brinquedos e de jogos que estimulam o desenvolvimento infantil em todas as áreas das capacidades físicas, mentais e emocionais. Afinal, sabemos a importância da brincadeira para a criança — ela não é apenas uma distração, mas também um modo de os pequenos aprenderem!

O ensino de libras na educação infantil proporciona diversos benefícios, não somente para a criança surda, como também para os ouvintes. Além de permitir a interação entre os grupos e melhorar a qualidade de vida dos pequenos com perda auditiva, a língua de sinais promove aprendizados múltiplos e valiosos para os não surdos.

Gostou do nosso post? Saiba que sempre trazemos conteúdos importantes que auxiliam os pais a entenderem o universo infantil. Para ficar por dentro de tudo, assine a nossa newsletter e receba as novidades diretamente no seu e-mail!

Powered by Rock Convert
Posts relacionados

Deixe um comentário