Vacina na gestação: descubra quais cuidados tomar nessa fase

6 MINUTOS DE LEITURA
1300
Imagem de uma mulher grávida

A gravidez é uma fase cheia de descobertas e mudanças. O corpo da mulher adapta-se para gerar uma nova vida, por isso, todo cuidado é pouco. Você já parou para pensar se é indicado tomar alguma vacina na gestação?

O blog Modo Brincar explica esse assunto neste conteúdo com a ajuda do Dr. Carlos Eduardo Merss, médico e professor universitário. Aqui, você aprende quais são os cuidados na hora de tomar vacina na gestação e quais são os imunizantes indicados para essa fase. Assim, todo esse momento será muito mais saudável e confortável tanto para mamãe quanto para o bebê.

Saúde na gestação: atitudes que fazem a diferença

O pré-natal é a melhor maneira de prevenir e detectar possíveis doenças que podem afetar tanto a mãe quanto a criança. Ele é feito com o acompanhamento de profissionais da área da saúde. O sistema público de saúde é obrigado a fornecer toda a ajuda possível para as gestantes.

O pré-natal é importante para as mulheres trocarem experiências e conhecerem mais sobre o parto e os cuidados com a criança, especialmente em casos de gravidez de primeira viagem. Por meio desse processo, as mães são orientadas em relação a diversos assuntos, inclusive sobre a vacina na gestação.

Dr. Carlos destaca: “existem vacinas que devem ser tomadas em momentos específicos da gestação, e a gestante deve estar atenta a isso, bem como a todo o resto”. O acompanhamento médico é fundamental para manter a saúde da mãe e do bebê.

O especialista completa: “além disso, todo remédio, vacina ou procedimento tem efeitos adversos. Ao sentir qualquer coisa estranha ou diferente, a gestante deve contatar o médico ou procurar um serviço de pronto atendimento”.

Afinal, quais vacinas podem ser tomadas na gestação?

O Governo Federal Brasileiro disponibiliza um documento chamado Caderneta da Gestante, em que estão dispostas as principais informações relativas ao pré-natal e, por consequência, às vacinas. A seguir, veja quais são indicadas para o período da gravidez.

Vacina dupla adulto (dT)

Essa vacina é indicada para a proteção contra tétano e difteria, tanto para a mãe quanto para o bebê. Ela possui um esquema específico para cada caso apresentado, dependendo do quão em dia está a vacinação da mulher:

  • mãe não vacinada previamente: são administradas 3 doses com um intervalo de 60 dias entre elas. A 3ª é a dTpa, a partir da 20ª semana de gravidez;
  • mãe vacinada com apenas 1 dose da dT: é aplicada uma dose da dT em qualquer momento da gestação e uma da dTpa a partir da 20ª semana de gravidez com 60 dias entre as aplicações;
  • mãe vacina com 2 ou 3 doses da dT: recebe uma dose da dTpa a partir da 20ª semana de gravidez.

Vacina dTpa

Essa vacina é chamada tríplice bacteriana acelular. O especialista explica que ela “previne a gestante e o bebê de contraírem difteria, tétano e coqueluche. Deve ser realizada a partir da 20ª semana de gestação, todas as vezes em que a mulher estiver grávida”. 

Dr. Carlos destaca: “gestantes que perderam a oportunidade de serem vacinadas durante o período gestacional devem receber uma dose de dTpa no puerpério (até 45 dias), o mais precocemente possível”.

Imagem de uma criança abraçando uma mulher grávida

Vacina contra hepatite B

A vacina contra hepatite B é essencial para qualquer idade gestacional, por isso, é importante completar o esquema de 3 doses (0, 1 e 6 meses). Se não for possível fazer isso durante a gravidez, o calendário vacinal deve ser completado no pós-parto. Algumas especificações ocorrem de acordo com o caso da mamãe:

  • intervalo de quatro semanas entre a primeira e a segunda dose;
  • intervalo de seis meses entre a primeira e a terceira dose;
  • intervalo de oito semanas entre a segunda e a terceira dose.

A hepatite B pode ser transmitida da mãe para o bebê durante a gravidez, o parto ou a amamentação. Por isso, a prevenção é o melhor caminho, junto do acompanhamento médico.

Vacina contra influenza

A vacina contra a influenza tem campanha anual. Isso porque o vírus aparece em períodos sazonais. Dr. Carlos recomenda a vacinação contra a influenza, “que pode evoluir com manifestações graves nessa população”. Por isso, o esquema vacinal pode cobrir qualquer período da gravidez e do pós-parto, após 42 dias do nascimento do bebê.

Vacina contra COVID-19

Com a pandemia, a vacinação contra COVID-19 tornou-se essencial para garantir uma gestação mais saudável. Ela possui o mesmo esquema da influenza, mas é importante contar com o acompanhamento médico para tirar dúvidas.

Outras vacinas

A Sociedade Brasileira de Imunizações também possui um calendário de vacinação durante a gestação. Nele, são indicados alguns casos especiais, como a imunização contra a hepatite A, que deve ser administrada em duas doses, de zero a seis meses. Também há a vacina combinada contra a hepatite A e B, que substitui a aplicação de ambas separadamente.

As vacinas pneumocócicas também podem ser administradas em casos de gestantes com risco para doenças desse tipo. É possível aplicar as vacinas meningocócicas conjugadas ACWY, B ou C, mas sempre considerando que é uma situação de risco à saúde da mãe e do bebê.

A vacina contra a febre amarela não é indicada durante a gravidez, porém existe uma exceção. Se o risco de tomá-la for superado pelas chances da infecção, é possível considerar a aplicação com o devido acompanhamento médico.

Existem algumas opções totalmente contraindicadas durante a gravidez: tríplice viral, HPV, varicela e dengue. Fazer o pré-natal e ter o acompanhamento de um profissional da saúde é essencial para tomar vacina na gestação.

Conheça o blog Modo Brincar!

A vacinação é essencial para um bom pré-natal. Depois de conferir este conteúdo, que tal conhecer mais sobre o universo da maternidade no blog Modo Brincar? Veja os artigos e saiba mais!

Fontes consultadas:

GOVERNO FEDERAL. Saiba quais vacinas devem ser administradas durante a gestação. Disponível em: https://www.gov.br/pt-br/noticias/saude-e-vigilancia-sanitaria/2022/11/saiba-quais-vacinas-devem-ser-administradas-durante-a-gestacao. Acesso em: 28 de março de 2023

BIBLIOTECA VIRTUAL EM SAÚDE. Importância do pré-natal. Disponível em: https://bvsms.saude.gov.br/importancia-do-pre-natal/. Acesso em: 28 de março de 2023

SBIm. Calendário de vacinação SBIm Gestante. Disponível em: https://sbim.org.br/images/calendarios/calend-sbim-gestante.pdf. Acesso em: 28 de março de 2023

ATIVIDADES #MODOBRINCAR

Se divertir é

UAAAAAU!

Kaboom

Leia Mais

iupii

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *